3 de jul de 2017

Inside my bed

Hoje o dia não amanheceu, ainda está escuro onde não poderia. Em uma busca por uma parte da minha alma acabei trazendo algo que não devia. Ser uma marionete dos meus desejos depois de tanto tempo... Sinta-se a vontade pra sentar no meu trono pois eu já renunciei aos meus fardos, novamente. Minha cabeça está tão pesada e meu pescoço não aguenta, mas isso só durará até o som da guilhotina rangir. Eu nunca tentarei de novo, eu amo por você, por você amor. Na última noite abri mão das terras, minha última olhada na casa. Você deveria saber, que a paixão só machuca quem realmente ama. Eu nunca estarei em uma hora feliz em volta de você.
Nesse instante escutei o click.