31 de out de 2014

Outubro

Salve mãe rainha, que preserva o mar
As vezes Calipso, as vezes a me levar

Em um final de outubro onde vim me banhar
Onde estava vazio e visualizei a me deixar.

onde era tudo, tudo virou nada e assim foi-se
A passar em um leve sopro raso 
acabou outubro, acabou o fim

Venha perante e pergunte a mim,
se temo o que eu fiz ou se fiz o que temo,
eu sinto em breve tenha um fim.